Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/institutolobo/public_html/mbeatrizlobo/wp-content/plugins/facebook-import-comments/classes/FacebookCommentImporter.php on line 185

Mogi e suas calçadas assassinas! Post 59

by Maria Beatriz Lobo - abril 5th, 2013.
Filed under: Assuntos Gerais e Atualidades, Mundo social e político. Tagged as: , , .

Post 59

 MOGI E SUAS CALÇADAS ASSASSINAS!

Apesar de não ser exclusividade da nossa cidade, depois de vários acidentes de familiares e funcionários, quero fazer mais do que um protesto: uma denúncia sobre as calçadas de Mogi das Cruzes.
Não vou nem falar da acessibilidade obrigatória para portadores de deficiências que seria uma piada! E não quero ser injusta com a administração municipal como se o problema fosse recente, mas não há mais como ficar calada.
Você, ao caminhar nas calçadas da Vila Oliveira (olha que estou falando do bairro mais “chique” da cidade) corre risco de vida!
Começamos falando de como são estreitas e ainda, muitas vezes, com postes ou árvores que nos obrigam a descer para a rua. Há desníveis entre as diferentes frentes das casas, buracos, raízes de árvores, lixeiras, enfim, tudo que se imagina impedindo que se faça uma caminhada segura de pelo menos 50 metros!
Somam-se a isso dois problemas que são verdadeiras armadilhas, capciosas, aguardando os incautos: árvores com galhos na altura das cabeças (quase perdi a testa andando na Praça Norival Tavares!) e os suportes para lixo presos nas grades das casas que ficam pairando na altura dos olhos (dos meus, pois de pessoas menores é para tirar o escalpo mesmo!) que ainda acabam matando alguém!
Podem usar a desculpa que quiserem, até que arvores não devem ser mexidas para defender a natureza etc e tal, mas é só andar em calçadas mais civilizadas (aí uso como referência outros países, mas se vocês conhecerem no Brasil cidade com calçadas decentes – não só em uma ou outra rua, mas na cidade toda, me contem!) que vemos o quanto somos desrespeitados aqui!
Pobre ainda mais dos idosos, de quem tem dificuldade de locomoção, sem falar de cadeirantes. Sugiro que filmem alguém em cadeira de rodas tentando andar pelas calçadas de Mogi.
Só lembro aos nobres senhores Vereadores, e ao querido Prefeito, que não adianta vir com novas leis imputando aos proprietários arrumarem as calçadas, mesmo sob o risco de pesadas multas, pois não há fiscalização e deixar por conta de cada um deu no que está aí! Nem as calçadas cuja obrigação de manutenção é do poder público são decentes!
Agora, podem muito bem proibir as lixeiras assassinas e cuidar de podar as árvores com os galhos baixos, além de transferir de lugar as que tomaram as calçadas, cuidando também da manutenção permanente das mesmas.
Para que isso seja viável, é a Prefeitura quem deve assumir a reparação dos pisos, unificando-os e padronizando-os. Pode até ser proposta uma taxa justa para essa obra de cada dono de propriedade, mas uma vez só, não uma taxa permanente, já que pagamos o IPTU!
Nem falemos das calçadas das ruas do centro da cidade que esse é assunto para outro artigo!

 

Deixe seu comentário!

This blog is protected by Dave\\\\\\\'s Spam Karma 2: 243908 Spams eaten and counting...